Diário de viagem em tarefa espírita Piauí e Maranhão

Convidada pela companheira de ideal espírita, Iris Branco Cardoso, para realizar uma palestra no Centro Espírita Luz e Fraternidade, na cidade de Codó no Maranhão, para lá segui no sábado, 13 de junho, na companhia da jovem Daniela, sua mãe Adelma Guerra e da amiga Graça, que para lá se encaminhava, também, para realizar atividade de Atendimento Fraterno na casa espírita.
Saímos de Teresina a tarde e já na noite de sábado, participamos de reunião da casa e no domingo realizamos a palestra – O jovem e o amor à vida.

Depois da palestra participamos, juntamente com algumas pessoas que aguardavam para serem ouvidas no Atendimento Fraterno, de um momento de reflexão em torno das mensagens do evangelho, conduzidas pela jovem Ana Lucília.

Pela segunda vez, visitei a cidade de Codó, a primeira em caravana pela AME, na companhia da doutora Kátia Marabuco e, nesta segunda vez, pude conversar mais detidamente sobre o trabalho realizado na cidade de Codó, o que não difere muito das nossas dificuldades e dos esforços que empreendemos em nossas casas, para levar adiante a tarefa de divulgação da doutrina espírita.

A amiga Adelma Guerra me recebeu com muito carinho, em sua residência, onde pernoitamos de sábado para o domingo. Esperamos retornar outras vezes à cidade de Codó, sempre levando a proposta espírita.

De retorno à Teresina, atendendo ao convite do amigo Lindonjonson, do Centro Espírita Cantinho de Luz Fabiano de Cristo, realizamos a palestra – Não se mate, você não morre! Tema alusivo a questão do suicídio.

Agradecida pela oportunidade do trabalho, rogo ao Senhor da Vinha, sempre me conceda a oportunidade de servir a causa espírita, de vez que, muito agradeço pelo que tenho recebido.
Compartilhe:

Deixe uma resposta